Ícones.

150 ícones das ficção cientifica colocados lado a lado em silhuetas, divertido é ficar tentando adivinhar todos.

Se você possui um cartão internacional ainda pode encomendar o poster aqui por 50 doletas.

Anúncios

A pinup antes da fama.

A vida do fotográfo de moda Andre de Dienes foi mudada para sempre num longiquo dia de 1945, nessa data ele conheceu a encantadora aspirante a modelo Norma Jean Dougherty. Prontamente apaixonou-se por sua inocência e encanto.

Jovens e aventureiros, ganharam a estrada. Seu estilo fotográfico inspirado e natural, acumulou logo uma quantidade enorme de fotografias impressionantes, da ainda morena, de sorriso fácil, Norma Jean. Fotos essas que a ajudaram a se lançar na carreira de modelo, e alguns anos mais tarde, na de cinema, onde tornou-se uma lenda.

Seu relacionamento inteiro com a estrela, incluindo muitos momentos compartilhados somente entre os dois, é detalhado nas memórias secretas de de Dienes, só descobertas após sua morte em 1988, quando fãs de Monroe devassaram sua intimidade. Nunca antes publicadas, as memórias contam uma linda história de amor e amizade, sempre do ponto de vista de alguém que conheceu Marilyn intimamente; descrevendo a transformação de Norma Jean a Marilyn Monroe – a evolução da menina sensível, ambiciosa em um ícone.

Uma perspectiva interna, lançando luz em um lado pouco conhecido de Marilyn. Nunca gostei de biografia de famosos, memórias e afins, mas essa eu gostaria de ler.

mm1

mm10

mm9

mm8

mm7

mm6

mm5

mm4

mm3

mm2

Próximas atrações.

At_the_Copy_Machine_by_achibner

Hollywood há muito passa por uma crise, não tem nada haver com o download ilegal de filmes ou a banquinha de piratex ali da esquina. A crise que ronda cinemopólis do Tio Sam é uma crise criativa, atualmente quase tudo que sai de lá, pelo menos o que chega com toda pompa aos cinemas, com megahipertriliárdarias campanhas de marketing, tem gosto de hamburguer de microondas, não é ruim, dá pra comer, e mata fome, mas tá longe de ser um sanduíche de verdade.

Temos uma infinidade de adaptações chegando, vindas de diferentes origens: literatura, quadrinhos, videogames, brinquedos, desenhos animados. No mais são continuações, refilmagens e pouco, mais muito pouco de filmes autorais com qualidade.

Baseado nas action figures GI Joe, aqui no Brasil Comandos em Ação.

Quarta continuação da cinessérie O Exterminador do Futuro, inspirada em quadrinhos dos x-men.

Mais brinquedos, dessa vez os Japoneses da Hasbros.

História do gangster americado Dillinger, filmado e refilmado pelo menos umas 10 vezes, dessa vez pelo menos tem um elenco ducaralho.

Essa acho que é original, o diretor é Sam Raimi (homem-aranha), o trailer parece assustador.

Na linha de “Cara, cade meu carro”, uma comédia que parece divertida, mas com gostinho de não comi isso ontem?

Esse é realmente original, como não pensei nisso??????

Tão tosco, tão legal.

Folheando a internet me deparei com essa série legal de desenhos bem tosquinhos com cenas de filmes, é um bom passatempo tentar e conseguir reconhecer as peliculas que eles retratam.

primitive-movie-drawings01

Beleza Americana

primitive-movie-drawings09

Duro de Matar

primitive-movie-drawings39

Top Gang

primitive-movie-drawings47

Shakespeare Apaixonado

primitive-movie-drawings110

Instinto Selvagem

primitive-movie-drawings42

300

Para mais vá no Magazine 13.

Como na net uma coisa leva a outra, logo me veio a mente a banda mais legal de Natal em todos os tempos de toda a história do universo musicalisticamente roqueiro, Os Bonnies, a banda mistura rockabilly, punk e tudo mais que tiver a fim. Também adoram fazer uso desse tipo de ilustração em seus clips e material de divulgação, de tão tosco fica legal.

Pra quem quiser sacar mais do som eles disponibilizam seus cds pra download no site, mais quem puder vá sacar os caras ao vivo, é muiiiiiito melhor.

bonnies-disco-azul

Bonnies. Disco Azul (baixe aqui).

Em cartaz.

thoughts_by_marimochida3

Nada melhor do que manter livre arbítrio para a imaginação, em minha não tão distante infância, uma lata de leite ninho mais barbante mais areia virava carrinho. Duas mais barbante menos areia? viravam um telefone bem funcional. Brinquedos serviam mais que adornos para estantes dos quartos e eram usados até estar tão quebrados que não se identificava mais o que diabos era aquilo. Videogames não eram diferentes bem longe de algo meramente 3-d, suas embalagens nos davam o pontapé inicial para um mundo que existia muito mais bonito e colorido na nossa cabeça.

space-invaders-1

Space Invaders. Clássico do Atari, só perde para o esfomeado Pac-Man.

xman-2

X-man, o primeiro video game adulto da história. Absolutamente nenhuma ligação com o grupo de heróis mutantes.

Filho de uma geração em que os principais efeitos especiais estavam na mente, sempre achei que livros são melhores que suas adaptações cinematográficas, que quadrinhos conseguem ter mais ação que a maioria dos blockbusters e que o melhor diretor é mesmo a tal da imaginação. Hoje vejo isso com saudosismo, olho para esses cartazes e lembro que  na maioria das vezes eles eram dezenas de vezes melhor que os filmes em si, são obras primas de uma era perdida. Espero um dia ter um ambiente bem legal em minha casa, telão, som de cinema e vários desses posters espalhados pela parede.

tales_of_terror

O mais assustadoramente lindo. O filme eu não sei, mas o livro é um clássico do terror de Edgar Alan Poe, bom mesmo.

death_race_2000

Filme bem bacaninha, soa como uma versão malvada da Corrida Maluca.

galaxina

Um filme que a estrela é playmate de playboy, melhor ficar só no cartaz.

escape_from_new_york

Os anos 90 já foram um futuro assustador.

Presentinho: Pacotão com 100 capas de filmes. A qualidade das imagens é razoável, com alguma imaginação da pra fazer muita coisa legal.

download1 clique aqui

Crepúsculo.

a_forca__by_meeefius3

Ir ao cinema essa época do ano é um martírio, se você mora em cidade pequena vai entender o que eu digo. Natal, por exemplo, só tem dois shoppings com cinemas, um do grupo Cinemark e outro do Moviecom. Entendo perfeitamente que um cinema é uma empresa com fins lucrativos, ele tem que dar lucro, mas tenha dó, bem que podiam deixar uma salinha em cada para passar bons filmes. Quando a gente pega a programação e dá vontade de chorar. Vejam só:

Cinemark

Bolt – Supercão
Carga Explosiva 3
Coração de Tinta
Crepúsculo
Crepúsculo
Entre lençóis
Madagascar 2
Marley e Eu
Se Eu Fosse Você 2
Sete Vidas

Moviecom

Bolt – Supercão (Dublado)
Coração de Tinta (Dublado)
Crepúsculo (Legendado)
Madagascar 2 – A Grande Escapada (Dublado)
Marley e Eu (Legendado)
Se Eu Fosse Você 2 (Nacional)
Sete Vidas (Legendado)

Reparem que além de ter praticamente a mesma programação, só tem filme idiota.

crepusculo_filme12

Inocentemente eu e minha namorada fomos sábado assistir Crepúsculo, sei  que não era um filme voltado para adultos, mas independente disso, é um lixo, um filme tão chato que só parava de bocejar quando estava cochilando. Antes de qualquer coisa, faço um apelo: não assistam.

Alguém com mais de meio neurônio não deveria ser colocado em posição de assistir tamanha asneira. Vou resumir pra vocês: Pegue um monte de atores ruins, misture com Sandy e Junior (a série), malhação (a novela eterna) e Anjos da Noite (o filme). Quando a papa estiver bem homogênea, jogue uns vampiros que andam de dia e brilham como glitter, efeitos especiais tão toscos que fazem a novela da record parecer uma megaprodução. Mantenha no forno até dourar e pra finalizar tempere com uma história de amor insossa (que não passa de uma metáfora para a abstinência sexual como método contraceptivo), babaquice completa.
Terminado o prato jogue no lixo. E o principal: não sirva a ninguém que você goste.