O efeito Susan Boyle.

Depois do furacão Susan Boyle (já é um dos vídeos mais assistido na história perto dos 200 milhões de views), chega Jamie Pugh, motorista de van durante o dia e entregador de pizza durante a noite, o cara é tão impressionante quanto a virgem de 50 anos. Além de serem ingleses, eles tem em comum o fato de terem sido descobertos pelo mesmo programa e cantarem músicas do Musical “Os Miseráveis. Não tem muito o que falar, assista e pense, porque em nosso “Ídolos” não aparece nada assim? E aquele programa da Globo. Nem lembro o nome, só saiu Roberta Sá que mesmo sendo o melhor que apareceu na música brasileira em muito tempo não ganhou a edição que participou.

Só pode ter uma resposta: A maioria dos brasileiros gosta mesmo é de bosta.

Anúncios

O melhor reality show de todos os tempos.

imagem12

A premissa é simples e divertidamente diabólica, um lutador de vale-tudo assumidamente ex nerd, convida você a dar o troco nos valentões da vizinhança.  Pra ganhar 10 mil reais os “donos da rua” só tem que aguentar dois rounds com um lutador profissional, parece injusto, mas se pensar direito a diferença dos brigões para suas vítimas provavelmente é a mesma deles para os profissionais.

O programa, uma produção da MTV, divide-se em 3 blocos, no primeiro somos apresentados as vítimas e seus opressores, além do treinamente de jisjitsu e kick boxing oferecido aos desafiados.

Os outros dois blocos são basicamente os rounds das lutas, e é neles que o prêmio é dividido. No primeiro o cara tem que lutar jiu jitsu e perde 1000 dólares cada vez que pede arrego. Importante!  o dinheiro que o brigão perde vai pra vítima. O nerd assiste seu desafeto apanhar pra caralho e ainda leva uma grana pra casa as custas dele, quer vingança melhor?

Odeio valentões, que alias nem deviam se chamar assim, quem tira vantagem de alguém mais fraco é na verdade um covarde, por mim, deixava de ser programa e virava projeto de lei,  se já é um prazer vê-los apanhar, de graça, imagina receber por isso.

Para assistir os episodios completos, em inglês, clique na foto ou aqui.